top of page
Buscar

Pode pôr silicone após mastectomia?


Silicone após Mastectomia: Entendendo Suas Opções e Considerações


Após uma mastectomia, muitas mulheres consideram a reconstrução mamária como parte do processo de recuperação física e emocional. A colocação de implantes de silicone é uma das opções disponíveis para a reconstrução após a mastectomia.


No entanto, é fundamental compreender os prós, contras e considerações antes de optar por esse procedimento. Neste texto, vamos explorar se é possível colocar silicone após a mastectomia e fornecer informações importantes para ajudar a tomar uma decisão informada.


Reconstrução Mamária após Mastectomia:


A reconstrução mamária é uma escolha pessoal e depende das preferências individuais, saúde geral e metas de recuperação da paciente. A mastectomia, que envolve a remoção cirúrgica da mama, pode causar alterações significativas na autoimagem e autoestima. A reconstrução mamária visa restaurar a aparência das mamas e ajudar as mulheres a recuperar a sensação de normalidade.


Opções de Reconstrução:


Existem diferentes abordagens para a reconstrução mamária após a mastectomia. Uma delas envolve a colocação de implantes de silicone. No entanto, é essencial entender que essa não é a única opção disponível. Outra alternativa é a reconstrução com tecido autólogo, em que o próprio tecido do corpo é utilizado para reconstruir a mama.


Considerações Médicas e Individuais:


Antes de tomar uma decisão, é fundamental discutir com seu médico todas as opções e considerações. Nem todas as pacientes são candidatas ideais para implantes de silicone, principalmente se houver preocupações de saúde subjacentes, como infecções crônicas ou condições autoimunes. Além disso, fatores como idade, tipo de mastectomia realizada e planos de tratamento adjuvante podem influenciar a escolha da reconstrução.


Tempo e Etapas do Processo:


A colocação de implantes de silicone após a mastectomia normalmente ocorre em várias etapas. A primeira etapa pode envolver a expansão dos tecidos para criar espaço para o implante. Posteriormente, é realizada a troca pelo implante definitivo. O processo pode levar meses a ser concluído, permitindo que o corpo se recupere adequadamente entre as etapas.


Expectativas Realísticas:


É importante ter expectativas realísticas em relação aos resultados da reconstrução com implantes de silicone. Embora a cirurgia possa resultar em uma aparência mais próxima das mamas originais, não é possível replicar completamente a sensação natural. Cicatrizes e possíveis complicações também devem ser levadas em consideração.


Cada caso é único, e é essencial escolher a abordagem de reconstrução que melhor atenda às suas necessidades físicas e emocionais.

7 visualizações0 comentário

Comments


bottom of page